Decoração Sem categoria

Guia completo de como decorar um quarto de bebê

10 de setembro de 2015

xEsse post é para as mamães e papais to be! Uma das primeiras preocupações logo no início da gravidez para os pais é o quartinho do pequeno. Como preparar o ambiente para receber esse ser que em breve vai preencher a casa com tanto amor?

Quartos de bebês podem parecer fáceis de decorar por terem pouca mobília, mas tem alguns fatores que devemos levar em consideração que não são tão simples assim. E bebês são seres exigente sim! Um quartinho mal decorado pode atrapalhar bastante a qualidade do sono dele, só pra citar um item!

Vamos começar por etapas:

Estilo do Quarto

Definir um estilo  para doutrinar a decoração é o primeiro passo no projeto de um quarto de bebê. O estilo vai influenciar no layout, no enxoval e até na iluminação. Se você não curte estilos e deseja um quarto mais simples, comece escolhendo uma paleta de 2 a 3 cores que vai ajudar você a guiar o projeto (falaremos sobre cores já já!)

Alguns pais preferem esperar para saber o sexo do bebê e aí começar a pensar no conceito do quartinho, mas hoje com tantos estilos e temas incríveis unissex não é necessário esperar tanto. Antigamente vivíamos a doutrina do menino-azul e menina-rosa, mas vocês vão ver que definitivamente esse conceito morreu! Mas nada impede que você use isso se gostar, cada pai e mãe é que sentem o que será melhor para o seu bebê.

Em termos gerais, os principais estilos utilizados nos quartos são esses:

Provençal

Inspirado na região da Provence na França, utiliza cores pastéis, lavanda e bastante branco. O mobiliário é super trabalhado com detalhes talhados na madeira, a iluminação pode conter lustres tipo candelabro e as paredes tem papel de parede misturando estampas florais ou listras. É bem comum em quarto de meninas.

1-quarto-bebe-clarinho1

Clássico

Inspirado nas cortes europeias do século XVIII tem o mobiliário mais pesado em madeira aparente. Costuma usar tons amarelados e marrons e uma iluminação mais intimista. Bastante detalhe nos tecidos da cortina e enxoval, uso de dossel e uso de papel de parede com desenhos mais sóbrios.

assinado-pela-arquiteta-mariana-de-carvalho-oliveira-estreante-na-mostra-o-quarto-do-bebe-tem-estilo-classico-com-detalhes-sofisticados-e-luxuosos-a-17-casa-cor-goias-que-abre-as-1368650621618_750x500

Retrô

Inspirado nas tendências estéticas das décadas de 50 e 60, possui móveis simples  com pés palitos e madeiras claras ou branca. Utiliza formas geométricas nos papéis de parede e poucos itens decorativos. Geralmente são quartos bem simples e minimalistas, com cores frias.

petite-vintage-interiors-x-laura-blythman-2

Natureza/Campo

Inspirados na natureza em geral com bastante uso do verde e de desenhos de plantas e bichos nos objetos de decoração e papel de parede. O mobiliário pode variar podendo ser mais clássico ou moderninho ou até mesmo brincar com o tema como uma estante em forma de árvore.

X_053

Esporte

O nome já diz tudo, inspiração nas categorias esportivas. Pode ser mais clássico ou moderno, mas deve ter elementos no enxoval, brinquedos e papel de parede que remetam ao esporte escolhido. A paleta de cores também varia de acordo com o esporte, mas observa-se muito o uso do vermelho, verde e azul. Muito utilizado em quarto de meninos.

casaejardim0804730

Praia/Navy

Inspirado na pegada naútica, faz bastante uso do branco, azul e vermelho utilizando listras no papel de parede ou enxoval. Os móveis também podem variar entre clássicos e moderninhos. Os itens decorativos costuma ser barcos, bóias e cordas.

mostra-quartos-etc-2015-aline-auad-4

Moderno/Abstrato

Uma negação dos estilos clássico e provençal, geralmente usado por pais bem minimalistas. É possível misturar inúmeras cores e objetos diferentes, mas com móveis geralmente mais modernos e criados por designers consagrados. A paleta de cores não tem limites, mas utiliza-se geralmente uma mistura de cores frias com um tom quente mais forte e muitos grafismos geométricos.

quarto bebe moderno

Personagens

Inspirados em personagens de contos de fadas, livros clássicos e filmes da Disney. O  mobiliário desses estilos também varia de acordo com o personagem, pode puxar tanto para o moderno quanto para o clássico e com paleta de cores variada. Mas é o modelo de quarto mais clichê, geralmente os de personagens meninas sempre tem o rosa e de personagens meninos, o azul.

quartodebebe23

Claro que dentro desses estilos, dá pra fazer coisas bem diferentes e até bem específicas. Tenho visto cada tema incrível inspirado em elementos únicos dentro de cada estilo desses. Criei uma tabela para facilitar porque as opções são infinitas:

tabela

Nada impede também que você misture esses estilos e temas! Por exemplo: Posso fazer um quarto provençal mas inspirado nas girafas ou um quarto moderno de bailarinas? Pode sim! A imaginação não tem fim em se tratando de misturar os estilos e temas para ficar a sua cara e de seu bebê.

Layout e Móveis

O mobiliário necessário para um quarto básico de bebê consiste em 3 itens: cômoda com trocador, berço, cadeira de amamentação. Claro que algumas mães tem mais espaço e mais coisas para guardar e colocam além desses três, guarda-roupa, um criado-mudo para ficar na lateral da cadeira de amamentação e às vezes até um sofá-cama para visitas ou babá. Mas isso depende muito do tamanho do quarto! Se o seu quarto for em apartamento, a maioria das plantas de hoje vem com os quartos bem pequenos e fica muito poluído e com circulação difícil se adicionarmos muita mobília.

Outro móvel que algumas mães gostam de deixar um espaço para colocá-lo mesmo que ele não vá ser muito usado no primeiro ano do bebê é um baú ou caixote! Depois da festa de aniversário de 1 ano, você não vai ter onde enfiar tanto brinquedo, então esse é um item que sempre aconselho às minhas clientes.

Aqui embaixo fiz 4 opções de layout para um tamanho de quarto pequeno tamanho padrão de 2.70×2.70m (tamanho mínimo exigido pela prefeitura da maioria das cidades para um quarto)  com porta de 70cm e janela de 1 metro e utilizando  um com layout mais básico, outros dois mais completos e um quarto super completo. Claro que todos esses layouts vão depender de onde estão localizadas as tomadas do apartamento para que nenhum móvel cubra elas.

Layout 1 – berço, cômoda grande e poltrona

layout 1

O layout mais básico com os 3 itens essenciais. Notem que tem bastante espaço de circulação até para quando o bebê começar a engatinhar. Fiz 3 opções desse layout mostrando as diferentes posições do berço que vão depender das suas tomadas. Lembrando que sempre a pior opção é a que o berço fica ao lado ou embaixo da janela por conta da luz e do barulho da rua.

Layout 2 – berço, cômoda pequena, guarda-roupa 4 portas e poltrona

layout 2

Opção usando o guarda-roupa de 4 portas além da cômoda. Ainda temos espaço de circulação bom (mas incomparável ao primeiro layout).

Layout 3 – berço, cômoda pequena, sofá-cama e poltrona

layout 3

Esse layout é sem o guarda-roupa e com um sofá-cama para visitas ou para a mãe ou a babá dormir. Já toma mais espaço porque o sofá é bem maior que o guarda-roupa em profundidade.

Layout 4 – berço-cômoda, sofá-cama, guarda-roupa 2 portas e poltrona

layout 4

Essa opção é com o layout super completo, porém notaram que tive que colocar o berço com trocador acoplado? (esse modelo já vende no mercado). Também coloquei um guarda-roupa menor só com 2 portas.

Cores

Vamos falar sobre cores? Para quem escolheu um tema, as cores tanto dos móveis e papel de parede quanto dos objetos vão depender totalmente do tema escolhido. Para quem não escolheu um tema e sim uma paleta de cores favoritas para trabalhar, então vamos para algumas regrinhas básicas da teoria das cores.

Não há limite para o uso da cor em quartos de bebê. Se quiser você pode sim misturar 3 ou 4 cores sem problemas contanto que saiba como dosá-las. Para isso é bom ter sempre à mão um círculo cromático e entender como ele funciona. Há um tempo atrás fiz um post bem completo sobre isso aqui, mas vou dar uma explicação básica de como usar esse círculo nos quartos infantis.

sdsdsd-2

Basicamente o que devemos saber ao trabalhar com cores e crianças é que as cores quentes costumam estimular o observador e as cores frias costumam acalmar. Por isso que nunca vimos um quarto de bebê todo trabalhado nas cores vermelha, rosa e laranja de uma vez só. Imagina como ficaria a coitada da criança com tanto estímulo?

o-quarto-do-bebe-carioca-de-bruna-maciel-e-leticia-loureiro-tem-um-painel-inspirado-no-morro-do-pao-de-acucar-no-rio-de-janeiro-o-ambiente-e-colorido-e-tem-como-pecas-de-d

Quarto com o uso de várias cores na parede funcionando como um estímulo visual para o bebê.

Fora isso, os bebês quando nascem têm dificuldade para distinguir tons parecidos, como vermelho e laranja. Por isso ficam mais confortáveis com  cores contrastantes. Entre 2 e 4 meses de idade, no entanto, as diferenças entre as cores vão ficando mais claras, e seu bebê começa a distinguir tons semelhantes. Com isso, devem começar a mostrar preferência por cores primárias e fortes, e por formatos e desenhos mais detalhados e complexos. Ah, mas se eu quiser usar o vermelho no quarto do meu bebê como faço agora? Você pode usá-lo sim, mas lembre-se que deve ter outra cor complementar do vermelho agindo na decoração para minimizar um pouco o tom quente dessa cor. Fácil, né?

quarto bebe preto

Quarto utilizando parede preta em equilíbrio com outras cores.

Quanto ao temido preto tão criticado em quartos de criança, não tenha medo! Ele pode ser usado sim, equilibrado com outras cores pode trazer efeitos fantásticos na decoração.

 Iluminação

A iluminação do quarto do bebê deve ser muito bem pensada, talvez o item mais importante do quartinho todo! O ponto principal de um quarto infantil é a dimerização. O dimmer é um circuito que permite o ajuste da intensidade luminosa das lâmpadas individualmente ou em grupos, isso significa que você pode ajustar a intensidade da luz no interruptor para mais forte ou mais fraca, de acordo com os momentos que o bebê está repousando ou em atividade. O ideal é colocar o dimmer num ponto central no meio do quarto.

Outro ponto importante é usar iluminação indireta para não ofuscar em pontos que fiquem acima do berço, ou seja, dentro de sancas ou cortineiro. Iluminação direta só em caso de querer pontuar algo específico da decoração, como algum obejtos dentro de um nicho, por exemplo.

Os abajures no criado-mudo também são importantes para montar aquele cenários de luz fraquinha na hora da amamentação. Arandelas nas paredes também tem luz indireta e podem deixar o ambiente com uma penumbra bem interessante.

fotoforum/foto:cristiano s}rgio

Luz indireta saindo das sancas rente ao forro, uma boa opção de luz indireta.

As lâmpadas mais recomendadas são as leds por terem uma intensidade menos ofuscante, lâmpadas fluorescentes e halógenas tem uma intensidade mais pesada e só devem ser usadas indiretamente.

casa-moderna-fachada-decoração-modelos-decor-salteado-1

Exemplo do uso das arandelas na parede. Nessa opção ainda temos a luz indireta no painel atrás do sofá e da sanca de gesso no teto.

Outra coisa que está bastante na moda em quartos de bebê é o “céu estrelado” feito com fibra óptica. Um eletricista comum não consegue fazer isso, só as lojas especializadas e infelizmente ainda é um pouco caro, mas o efeito, não se pode negar, é fantástico.

Foto-Gerson-Lima-025

Céu estrelado com fibra ótica. Ele não deve ser a única opção de iluminação, é sempre bom deixar mais de um cenário de luz.

É importante que o quarto também tenha boa proteção de cortinas  contra a luz externa e caso o berço fique perto da janela recomenda-se usar caixas-guias ou blackouts para bloquear a luz natural do quarto nas primeiras horas da madrugada.

Piso

Não há um piso específico para quartos de bebê, tanto as cerâmicas quanto os porcelanatos e as madeiras são muito bem-vindos. Mas muitas mães tem preferido colocar o piso vinílico no quarto pois é um piso macio para quando o bebê começar a engatinhar e tem boa resistência à água. Tanto é que é o piso mais usado hoje em berçários e jardins-da-infância.

Pisos-de-Vinilico

Piso vinílico sendo colado em cima de uma cerâmica antiga.

A vantagem dele é que pode ser aplicado com a cola específica por cima de qualquer outro piso já existente e a espessura dele é bem fininha, não ficará um degrau no quarto.  E caso você queria voltar ao piso original da casa depois de um tempo, pode remover as placas e usar um solvente para retirar os respingos de cola.

Várias mães também colocam tapetes  em fibra natural ou de papel que são hipoalergênicos  para quando essa fase de engatinhar e sentar para brincar ficar mais frequente.

 Paredes

Além da pintura (que deve ser com tinta à base dágua caso o seu bebê seja alérgico), hoje temos uma gama de revestimentos para colocar nas paredes dos quartos de bebês.

O mais comum é o papel de parede que pode ser aplicado de três formas: ou no quarto todo, ou numa parede específica mesclando com a pintura nas outras ou meia-parede em volta do quarto também mesclando com a pintura e dividida por um roda-meio. Esses roda-meios podem ser feitos por marceneiro em mdf ou comprados prontos feitos de poliestireno em lojas especializadas, as marcas mais conhecidas são Santa Luzia e Vetromani.

decoração-quarto-bebê-neutro-6

Quarto dividido com roda-meio com papel de parede em cima e pintura embaixo.

Outro elemento que as mães também amam, principalmente aquelas que querem quartos clássicos ou provençais são os lambris aplicados em meia parede que deixam o quarto bem aconchegante. Para isso, você deve contratar um marceneiro, dificilmente terá esses lambris prontos para comprar no mercado.

quarto-lindo-bebe-4

Lambri aplicado na parede inferior, ele pode ser laqueado ou pintado de qualquer cor, geralmente a branca é a mais usada.

Os estofados também são usados para dar conforto ao quarto também nos estilos provençais e clássicos. Lisos, em capitonê ou matelassados, ficam incríveis dependendo do tecido usado.

quarto bebe grafite

Grafitagem em tinta acrílica e caneta posca com o tema coelhinhos.

Outro detalhe que está super na moda é chamar algum artista, grafiteiro ou artesão para fazer uma arte personalizada em uma das paredes usando spray, caneta posca ou tinta acrílica. Já vi algumas mães fazerem isso até depois do bebê nascido, contendo informações sobre o dia e local do nascimento, o peso e o significado do seu nome. Super legal essa ideia! Se você não conhece nenhum artista, pode pedir para uma gráfica fazer um adesivo com o desenho personalizado.

 Objetos de decoração

Os objetos de decoração dão o toque final à decoração, assim como o enxoval eles dependem das cores e do tema para serem comprados. Para eles, devemos sempre prever nichos , prateleiras e penduradores para trabalhar os espaços aéreos do quarto e eles vão servir também para quando os presentes começarem a chegar.

dec-1 (1)

Nichos circulares para colocar bichos de pelúcia. Os quadros também foram usados ao lado da poltrona de amamentação.

Esses espaços devem ficar acima de 1.20m para que o bebê não bata a cabeça para quando começar a andar e que também não fique tentando pegar tudo que vê ao seu alcance.Quadrinhos em molduras também dão uma vida interessante ao quarto e complementam o tema e as cores para formar uma decoração legal.

quarto bebe quadrinhos

Exemplo de quadrinhos em todas as paredes do quarto. Já que ele não recebeu cor nas paredes, os quadrinhos deram vida brincando com o tema bichos.

E finalmente o enxoval! Talvez o item mais importante do quarto.Eles são mais do que só úteis no quarto do bebê, também servem para decorar de acordo com as cores por isso muitas mães deixam para o final. Seja comprado pronto ou seja personalizado com uma bordadeira, o enxoval deve ter tons mais clarinhos e as cores mais fortes podem entrar nas almofadas que ficam no berço, sofá-cama ou cadeira de amamentação, inclusive com formatos diferentes:

Exemplo: num quarto com papel de parede de bolinhas as almofadas podem ser circulares ou num quarto com tema safári as almofadas podem ter cara de bichinhos.

Ufa! Acho que isso foi quase tudo, afinal quarto de bebê é um tema inesgotável. Não sou mãe, mas já projetei vários quartinhos de clientes e amigas e adoro conversar sobre o tema. Gostaram do post? Se tiverem dúvidas, comentem abaixo!

ATUALIZAÇÃO EM JUNHO/2019

Em vista do sucesso desse post, maturei a ideia da falta de informação técnica sobre quartos de bebê a lancei o meu livro sobre o assunto. Foram quase dois anos de pesquisa e eu tô muito feliz com o resultado. Vocês podem ver o post completo falando do livro aqui.

Aqui abaixo seguem os locais de venda:

Livro Impresso

Livraria Jaqueira (Recife) : 
Rua Antenor Navarro, 138, Jaqueira.

Livraria da Praça (Recife) : 
Praça de Casa Forte, 454, Casa Forte.

____________________________________________________________

ATUALIZAÇÃO EM MARÇO DE 2020

As cópias impressas do livro infelizmente estão esgotadas, mas a versão online foi reeditada e pode ser encontrada para venda aqui mesmo no blog através desse link!