Arquitetura Sem categoria

Guia completo de pisos e revestimentos

20 de setembro de 2016

Acho que escolher os pisos e revestimentos de um projeto é a maior dúvida que todo mundo tem na hora de começar uma obra. A infinidade de tipos, cores, preços, tamanhos é cada vez maior nesse segmento e muita gente realmente tem dificuldade: qual o melhor piso para um apartamento pequeno? Posso misturar revestimentos com cores diferentes? Posso usar pedra do piso na parede? Pensando nisso, preparamos um guia para você entender direitinho por onde começar na hora de escolher pisos e revestimentos para pequenos e grandes projetos.

PISOS

Requisitos de escolha

Os principais requisitos que devemos considerar na escolha dos pisos são esses:

Facilidade de Manutenção – Tem pisos que exigem mais limpeza dependendo do material  (porcelanatos polidos) e da cor (cores claras), então se for um ambiente que não tem faxina regular, é bom pensar nisso!

Estética – A estética depende muito do seu estilo e do tamanho do ambiente que você vai trabalhar. Bom senso e bom gosto são essenciais nessa hora, se tiver dúvidas contrate um profissional. A dica principal aqui é na hora de misturar materiais diferentes! Cuidado com o mix de cores e acabamentos, se mal utilizados podem acabar com o projeto.

Durabilidade – Alguns pisos precisam de manutenção regular ou até mesmo se desgastam com mais facilidade, é interessante saber se você pretende colocar um piso mais resistente para a vida inteira ou se pretende trocá-lo em pouco tempo.

Conforto (tátil, térmico, acústico) – Interessante escolher um piso adequado para o ambiente de acordo com o toque (berçários que os bebês vão engatinhar, por exemplo), térmico (lugares frios pedem pisos amadeirados que aumentam a temperatura, assim como lugares quentes pedem pedras frias) e acústico (pisos que fazem toc-toc não são adequados a escritórios, por exemplo).

Economia – A variedade de pisos no mercado é infinita! Tudo vai depender do seu orçamento… temos pisos caros e baratos (não quer dizer que os baratos não são bons não), mas a criatividade tem vez nessa hora.

Resistência Mecânica (PEI) – PEI (Porcelain Enamel Institute) é o famoso número de desgaste por abrasão que vai de 1 a 5 e é sempre indicado na etiqueta do piso. Quanto maior o PEI, mais resistente o piso. Mas isso não significa que devemos escolher PEI 5 para tudo que fomos comprar, pisos de ambientes de pouca circulação como quartos podem tranquilamente ter o PEI 1. Os PEIS mais altos são para ambientes de intensa circulação como shoppings e aeroportos. A tabela aqui embaixo retirara da NBR 9455 exemplifica direitinho o que tô falando:

tabela-pei

Coeficiente de atrito – É o coeficiente que indica se o piso é muito ou pouco escorregadio. É sempre bom prestar atenção nesse número porque pisos com coeficiente de atrito alto não são indicados para áreas molhadas e ambientes onde crianças e idosos circulam. Já vi acidentes horríveis de pessoas que escorregaram em pisos super esmaltados ou polidos e a atenção nessa hora é ainda maior se o ambiente tiver rampas ou escadas.

Absorção de água – É o índice que indica se a pedra é muito ou pouco porosa, isto é, se ela tem pouca ou muita areia em sua composição (também é sempre mostrado na etiqueta do piso).  Quanto mais areia, mais água ele tende a absorver e ficar mais úmido. Os porcelanatos em geral são feitos de 80% de pedra e 20% de areia por isso são mais caros, menos úmidos e mais fácil de aplicar porque o biscoito da pedra é retificada. Já as cerâmicas tem muito mais areia e por isso tem sempre as bordas um pouco arredondadas nos cantos o que exige mais cuidado na aplicação e um rejunte mais largo que os do porcelanato. Essa tabela da NBR 6480 mostra isso direitinho:

tabela-absorcao-agua

Lembre-se de conferir com cuidado a metragem quadrada do projeto para a compra dos pisos de modo que nem sobre muito e nem falte e lembre também de sempre acrescentar 10% a mais para as perdas, como pedras que se quebram no transporte e no corte.

É muito chato quando o cálculo dos pisos não é feito corretamente e faltam pedras na obra, às vezes a loja não tem mais aquele produtos no estoque, o cliente precisa esperar 2 meses para chegar a nova remessa ficando a obra parada! E pode acontecer também da nova remessa vir em tonalidade diferente da original…. enfim!!! Confira esse cálculo 3x para não ter estresse na vida. Também não é bom sobrar demais porque é dinheiro jogado no lixo, né?

Preste atenção também nos diversos tamanhos existentes no mercado hoje! Pedras 60x60cm, 80x80cm, 30×1.20cm e até pedras enormes de 1.20 por 1.20cm…. use o bom senso para escolher! Espaços grandes ficam mais bonitos com pedras maiores e menos rejuntes, já espaços pequenos nem adianta escolher pedras grandes porque elas serão muito cortadas na aplicação gerando  muita perda e resíduos.

 

Tipos de piso e fixação

1.Aderentes Monolíticos

São pisos que não tem encaixes, rejuntes e bordas e consistem de uma única “massa”.

Cimentados

Aqui se incluem os famosos cimentos queimados, muito conhecidos no interior quando o pedreiro cimentava o piso da casa e depois queimava para deixar liso. Hoje já existem empresas especializadas em fazer esse processo sem deixar rupturas e embarrigamentos como no processo artesanal e que inclusive fazem o piso de outras cores além do cinza.

cimento-queimado-pisos

Granilite

O granilite está um pouco em desuso, mas já foi sucesso há 30 anos atrás. É uma mistura de cimento, pedras como mármore, granito e minérios de diversos tamanhos podendo ser polido ou fulget (sem polimento). Era muito utilizado por Oscar Niemeyer em seus projetos.Também é aplicado por empresas especializadas.

granilite-pisos

Porcelanato Líquido

Os porcelanatos líquidos não são exatamente porcelanatos e sim, feitos de resina, que pode ser resina de poliuretano (que existe somente nas cores bege, branca e cinza) ou resina de époxi (que existe em todas as cores). A vantagem deste piso é que pode ser aplicado para cobrir um piso já existente sem se preocupar com a camada muito alta que a aplicação de cerâmica sobre cerâmica pode deixar. Só profissionais especializados podem fazer esse tipo de aplicação.

porcelanato-liquido-pisos

2.Aderentes Modulares

São pisos onde o rejunte é aparente entre as pedras. Podem ser fixados com argamassa  que pode variar de acordo com o tipo de aderente, como os porcelanatos, que precisam de uma argamassa especial. Ou podem também serem fixados por adesivo.

1.1.Assentados com argamassa

Porcelanatos

Os porcelanatos se diferenciam das cerâmicas, como já falei lá em cima, pela quantidade de pedra a mais no seu biscoito ou recheio, por isso é mais resistente e mais caro. Existem basicamente 3 tipos de porcelanatos: o natural (sem polimento ou esmalte e com aspecto mais rústico, o esmaltado que leva uma fina camada de esmalte e o polido que recebe vários banhos para ficar super brilhoso e parecer que está vitrificado (esse é o mais caro). Os porcelanatos tem uma grande variedade de cores e texturas, inclusive com pedras imitando fielmente mármores carraras, madeiras e até cimento queimado! As marcas que mais gosto de trabalhar são a PortobelloPorto Design, Decortiles, Solarium, Eliane, Elizabeth, Portinari, Ceusa, Pamesa.

porcelanato_polido-pisos 

Porcelanato imitando mármore

porcelanato-polido-liso-pisos

Porcelanato Polido Liso

 

Cerâmicas

Cerâmicas são pedras feitas de argila e areia com menos pedras no biscoito, por isso mais baratas que o porcelanato. Existe uma gama incrível de tamanhos, cores e padronagens no mercado e não é porque são mais baratas que o porcelanato que são de menor qualidade! Existem cerâmicas incríveis no mercado de acabamentos superiores a muito porcelanatos de marcas pouco exigentes com o processo de fabricação. As mesmas marcas que citei acima para os porcelanatos também tem excelentes fabricantes de cerâmicas.

ceramicas-piso

Pétreos

Os pétreos são nada mais que os granitos e mármores sendo usados como pisos. Você pede para a marmoaria cortar a pedra no tamanho que você quiser e daí pode ser aplicado no piso de qualquer ambiente. Pode também ser rústico ou polido que parece um porcelanato.

granitos-pisos

Ladrilhos Hidráulicos

Ladrilhos eram muito usados antigamente em casarios históricos e voltaram há alguns anos com muita força no mercado. São pedras feitas de cimento e que tomam vários banhos para serem desenhadas com um molde de ferro em várias cores num processo super artesanal. Como o processo é demorado, o ladrilho não é barato, mas hoje existem algumas cerâmicas fabricadas imitando os desenhos geométricos típicos dos ladrilhos. Gosto bastante da Ladrilart e de uma fábrica artesanal aqui de Recife chamada Ladrilhos Tinoco.

ladrilhos-hidraulicos-pisos

1.2.Assentados com adesivo

Piso laminado

O piso laminado é um piso constituído de mdf coberto de laminado melanímico. Por ser de madeira, ele não é resistente à água e faz aquele barulhinho de toc-toc. É bastante utilizado em ambientes residenciais, principalmente em quartos e a principal marca é a Durafloor.

piso-laminado-pisos

Piso Vinílico

O piso vinílico é uma placa feita de pvc, mas que tem a sua superfície imitando madeira. Eles chegaram no mercado para tentar substituir os laminados já que tem resistência muito boa à àgua (claro que não para áreas molhadas). É de fácil aplicação, podendo ser colocado em cima de revestimentos existentes com cola especial e sem estresse em relação à altura do piso que vai subir, já que tem apenas 2mm de espessura. A principal líder de mercado é a Fademac Tarkett.

piso-vinilico-pisos

Tacos e parquês

Os tacos e parquês caíram bastante em desuso com o adventos dos laminados e vinílicos, mas ainda são encontrados nas regiões do sul do país, feitos por empresas especializadas. São placas de madeira encaixadas e que é passado um verniz por cima para dar um brilho especial…tem um clima retrô bem interessante. A IndusParquet é uma empresa que ainda fabrica e vende esse tipo de piso no Brasil.

taco-parques-pisos

3.Fixados por dispositivos

Assoalhos e Decks de piscina

Os assoalhos e decks  são pisos de madeira usados principalmente em áreas externas e vendidos em madeireiras. A aplicação é no sistema macho-fêmea e deve ser aplicado por um marceneiro.

assoalho-deck-pisos

4.Não-fixados

Intertravados e blocos de concreto

Os intertravados e blocos são muito utilizados em espaços públicos, jardins e calçadas. São quadrados de cimentos assentados em cima de um colchão de areia sendo encontrado principalmente nas cores cinza e vermelho. A Tecpavi é uma empresa que trabalha com intertravados e outro pisos derivados de concreto.

piso-intertravado

 

RODAPÉS

Rodapé é o acabamento que colocamos na parede para arrematar o acabamento do piso e facilitar a limpeza na hora da faxina, além de dar proteger as paredes de sujeira. Eles variam entre 5cm até 20cm, depende bastante do tipo de projeto. Lembre-se que o cálculo do rodapé é em metro linear! Deve-se medir o perímetro dos ambientes retirando os rodapé detrás de guarda-roupas, portas e móveis fixos. Os mais utilizados são esses:

Poliestireno

Novidade recente do mercado, os rodapé de poliestireno parecem de madeira, mas a vantagem é que é uma mistura de polímeros e isopor resistente à agua e fixado com cola e parafuso. Super fácil de aplicar, é uma escolha excelente pelo fator preço acessível e facilidade de aplicação. Existem vários tamanhos e cores e os principais fabricantes são Santa Luzia e Vetromani.

rodape-poliestireno

Do próprio piso

O rodapé pode ser da mesma pedra escolhida para o piso, alguns fabricantes até já colocam no mercado os rodapés cortados do próprio piso para que o pedreiro não precise cortar na obra. Lembre-se que se o fabricante não vende o rodapé cortado de fábrica, você deverá comprar 20%  a mais de pedras para o corte do rodapé. A instalação é com a mesma argamassa do piso.

 rodape-proprio-piso

Madeira

Os rodapés em madeira caíram bastante depois do lançamento dos rodapés de poliuretano, mas ainda são vendidos no mercado. São vendidos já prontos em madeireiras ou se você quiser um desenho ou altura diferente, pode pedir para o seu marceneiro fazer, geralmente de madeira maciça e não mdf por conta do desgaste, e a aplicação é com cola e parafuso.

rodape-de-madeira-pisos

Granitos e Mármores

Os rodapé de granitos e mármores também são uma opção. Você pode mandar fazer em marmoarias e lojas de pedras especializadas escolhendo o tamanho e cor. A aplicação é em argamassa, assim como no piso.

rodape-de-granito 

 

REJUNTES

Rejuntes são os encaixes entre as pedras chamadas de aderentes modulares. Hoje com o apogeu dos porcelanatos e das pedras feitas com mais pedra e menos areia, os rejuntes tem ficado cada dia mais finos. Antigamente tínhamos rejuntes que chegavam a 1,5cm!!!!!

Existe o rejunte que chamamos de cimentício, feito de areia e cimento e o rejunte époxi, feito de silicone e derivados. O rejunte époxi é mais caro que o cimentício, porque o acabamento é bem mais bonito , discreto e demorado de aplicar (não é qualquer pedreiro que faz não). A principal marca de rejuntes no Brasil é a Quartzolit, da Weber, no site dele vocês podem ver bem as diferenças técnicas entre esses produtos.

Existem inúmeras cores de rejuntes no mercados, as mais usadas são o cinza e o branco, mas várias pessoas gostam de aplicar rejuntes coloridos combinando com a cor da pedra. Ex: mosaico de pastilha esverdeada, rejunte verde escuro. Não tem regra, isso vai do gosto do cliente ou do profissional especificador.

rejuntes-pisos

Tabela de cores de rejuntes de Quartzolit

 

REVESTIMENTOS

Chamamos de revestimentos todas as pedras que são colocadas em paredes, seja de banheiro, cozinha e salas.Os mesmos requisitos de escolha que descrevi no piso devem ser considerados no revestimento, apenas não consideramos aqui o coeficiente de atrito e à resistência à abrasão, já que ninguém irá pisar nas paredes.

Tipos de Revestimentos

Cerâmicas e Porcelanatos

As mesmas cerâmicas e porcelanatos aplicados no piso também podem ser aplicados na parede, já que hoje temos argamassas mais resistentes que aguentam o peso de pedras maiores. Muitos fabricantes também fazem pedras menores para aplicação em paredes do mesmo tipo do piso. Você pode usar a mesma padronagem de cor do piso ou mudar completamente o padrão, tudo vai depender do estilo e estética do seu projeto. As principais marcas são as mesmas que dominam o mercado de pisos: PortobelloPorto Design, Decortiles, Solarium, Eliane, Elizabeth, Portinari, Ceusa, Pamesa, Vetromani.

revestimentos-paredes

Pastilhas

Existe uma diversidade de pastilhas no mercado e a vantagem hoje em dia é que elas vem em telas de 30x30cm, tornando a aplicação muito mais rápida…antigamente era pedrinha por pedrinha! As cartelas variam de pastilhas de vidro, porcelana, ônix, côco, inox, madrepérola, mármore…. são infinitas! Algumas marcas ainda te dão a opção de montar sua própria cartela escolhendo tamanhos diferentes e cores que já vem de acordo com seu gosto de fábrica. Aqui a infinidade de empresas é gigante:  PortobelloPorto Design, Decortiles, Solarium, Eliane, Elizabeth, Portinari, Ceusa, Pamesa, Vetromani, Castelatto, Mosarte, Colormix.

revestimentos-pastilhas

Pastilhas de Vidro

revestimentos-pastilhas-metalizadas

Pastilha de aço escovado

 

Pedras Naturais e Sintéticas

Mámores e granitos também podem ser usados nas paredes, tanto em banheiros e cozinhas, como em salas fazendo um mosaico que você pode desenhar e pedir para a marmoaria executar ou comprar já pronto de fábrica. As pedras sintéticas como silestone e nanoglass também podem ser aplicados em paredes para fazer cabeceiras de cozinha, por exemplo, já que tem cores diversas e variadas. A PortoDesign, Mosarte, Colormix além de outros revestimentos de parede, são excelentes fabricantes de mosaicos de pedras naturais.

revestimento-pedras-naturais

Mosaicos de Madeira

Os mosaicos de madeira e mdf são bastante utilizados principalmente em salas. Tem diferentes tamanhos, texturas, recortes e cores e você também pode montar seu próprio mosaico que vem de fábrica nas cores que você deseja. Definitivamente as marcas líderes em mosaicos de madeira são a OcaBrasil e a Valchromat. A Masisa que é uma marca de laminados para móveis também serve para fazer mosaicos interessantes para paredes com ajuda de um marceneiro.

revestimentos-madeira

Vidros e Espelhos

Vidros e espelhos também são uma forma interessante de revestimento. Podem cobrir paredes inteiras, e o vidro inclusive pode ser pintado na cor que você quiser… os vidros temperados coloridos são muito utilizados em cabeceiras de balcão de cozinha, nesse caso você deve encomendar em uma vidraçaria.

revestimento-vidro-cozinha

3dBoard

São mosaicos com desenhos volumétricos feitos principalmente de pvc e isopor e pintados na cor que você quiser, já vi até alguns que as pessoas laquearam dando um efeito brilhoso na parede. O acabamento é maravilhoso e é bastante utilizado em salas… com uma iluminação ideal que dê destaque ao revestimento fica com um efeito incrível! A WallDeco é a principal empresa de 3dboards do mercado.

revestimento-3dboard

Cimentícios

Os cimentícios assim como o 3d board, são mosaicos feitos de cimento que podem ser pintados de diversas cores. São muito utilizados em salas e espaços comerciais dando um efeito de volume muito legal. A Solarium, Rerthy e Castelatto são as principais fabricantes de cimentícios.

revestimento-cimenticio

Tijolo Aparente

Os tijolos aparentes também são outro acabamento bem legal que imita uma estética bem inglesa…. era muito comum antigamente descascar as paredes para mostrar a capa do tijolo cerâmico maciço. Hoje já temos empresas que vendem esses tijolinhos finos de fábrica em diversas tonalidades de cores, a principal delas é a BrickStudio. A Santa Luzia também fabrica o EcoBrick, uma imitação perfeita de tijolo aparente feita de isopor e que pode ser aplicado com cola.

revestimento-tijolo-aparente-brick

Como vocês puderam ver as opções são infinitas e todos os anos os fabricantes lançam novos produtos acompanhando as tendências de mercado e a procura do cliente. O ideal é aconmpanhar a ExpoRevestir que acontece todo ano no primeiro semestre em São Paulo e é onde são lançadas todas as novidades do setor ou ficar sempre acompanhando o site dos fabricantes citados para ver os catálogos em pdf, os novos lançamentos e até as sugestões de aplicação e paginação.

No mais, é só pesquisar! Ver o preço que se adequa ao seu orçamento e ao seu estilo. As lojas especializadas tem sempre vendedores treinados para te ajudar e os profissionais como arquitetos e designers de interiores também manjam tudo do assunto…. Conversar com quem entender é sempre a melhor solução.